04/01/2007

VARZIM ENTREGUE AOS BICHOS - PARTE III


Afinal o Presidente da Mesa da Assembleia-geral do Varzim, José Reina, não vai convocar a reunião magna pedida pelos associados antes das eleições de 20 do corrente.
A revelação foi divulgada hoje pela Rádio Onda Viva, onde José Reina afirmou que tinha chegado a acordo com João Mariz sobre a não viabilidade da referida assembleia, ” por questões de prazos a assembleia teria de ser posterior á data das eleições, mas apesar disso mostrei-me aberto para realizar uma reunião de esclarecimentos sobre a actual situação do clube, mas apenas ontem me foi dada a resposta onde solicitavam uma assembleia e não a reunião sem carácter vinculativo. Assim sendo vai ser marcada para uma data posterior ás eleições já que eu não sei se serei eleito e não tinha cabimento marcar agora uma assembleia onde eventualmente poderia já não ser o presidente da mesa”. João Mariz em representação dos associados varzinistas, mostrou a sua indignação e negou as declarações de José Reina ” não há rigorosamente acordo nenhum, o que o Dr. José Reina me informou é que logo a seguir ás eleições iria convocar uma assembleia para tratar de assuntos vários e nessa assembleia seria tida em linha de conta o nosso pedido, ao que lhe respondi que acho razoável que se vai haver essa reunião nós estaríamos lá para debater todo a questão que afecta os varzinistas, mas é preciso não confundir as coisas o que nós exigimos é que haja um amplo debate, sobre o estádio, sobre o destino que foi dado ao dinheiro, quem autorizou a hipoteca, e esse esclarecimento tem de ocorrer antes das eleições; agora só nos resta perguntar quem é que afinal tem medo de esclarecer os sócios e porque tanta pressa em realizar as eleições sem que os sócios saibam o que andou a direcção a fazer durante todos estes meses, e como é que uma direcção pode pretender ir a votos sem dar conhecimento do que fez. No dia em que eu enviei a carta ainda era possível marcar a referida assembleia em tempo útil, e cumprindo todos os formalismos legais” A questão continua no ar: O que pretende fazer Lopes de Castro? Fazer um golpe palaciano e perpetuar-se no poder?
Já teve tempo de se aperceber que os associados do clube querem esclarecimentos! De que está á espera? Ou haverá algo mais nubloso por detrás das suas evasivas?

Sem comentários: