08/07/2007

Cuidado com as conversas e com as companhias


PS, PSD, CDS e PCP votaram a favor de uma lei que institui a videovigilância nos táxis, sendo que o tratamento das imagens está a cargo de uma empresa privada. Estranho é o voto do PCP, que se opusera à videovilância nas auto-estradas da BRISA. E nesse caso as imagens seriam entregues à PSP e à GNR. É a primeira vez que uma lei deste género é aprovada contra um parecer da Comissão Nacional para a Protecção de Dados, que considera que a lei “não é aceitável”.

Sem comentários: