27/02/2008

PETIÇÃO AO TRATADO DE LISBOA - ASSINA


Um grupo de pessoas que estão ligadas a movimentos sociais e/ou participaram no Fórum Social Português lançou agora uma petição sobre três aspectos concretos do Tratado de Lisboa. O objectivo é dar um pouco mais de ânimo aos movimentos sociais, dar um pouco mais de som à democracia e à necessidade do debate sobre as coisas que determinam a nossa vida colectiva.
É bom que não nos conformemos passivamente com os atropelos à democracia, o torpedear das promessas, o jogo do vale tudo para que as pessoas não tenham acesso à informação e não pensem pela sua própria cabeça. Como se não acontecesse nada. Apesar de até uma revisão constitucional ter sido feita para permitir o referendo. A maioria rejeitou-o parlamentarmente mas a cidadania não precisa de se calar.
Se Sócrates rejeitou uma pergunta, a lei do referendo permite três. Vamos aproveitar essa possibilidade. Uma possibilidade que apenas terá poucas semanas, pois o governo quer celeridade no processo. As perguntas que colocamos decorrem também da iniciativa e causas que os movimentos e as lutas têm trazido à visibilidade pública. E procuram colocar o dedo em algumas das principais feridas deste Tratado de Lisboa.
Uma pergunta decorre de um movimento já anterior, de um positivo movimento de ambientalistas e pescadores sobre a defesa dos recursos biológicos e marítimos. Outra decorre da importância de questionarmos o progressivo armamento e submissão à NATO para se realçar a defesa da paz. O desastre do Iraque e do Afeganistão só podem reforçar a luta pela paz.
A outra decorre da importância do Banco Central Europeu ter uma autonomia total, tomando decisões fundamentalistas em função da especulação e da monetarização da economia com influências nefastas no emprego ou no crédito à habitação (por exemplo).
Por isso venho por este meio convidá-lo a subscrever a petição. Esta só se fará via on-line, basta clicar no endereço do blog www.referendoaotratado.blogspot.com
Claro que também peço ajuda para divulgar este movimento por muitos endereços de e-mail e blogues. Se tem um blogue afixe lá uma ligação.
Nós não nos calamos! Quem cala consente!
Vale sempre a pena lutar. Nem que seja só para lhes dificultar os planos!

Sem comentários: