18/03/2008

A última de Sócrates: jihad anti-amor-de-mãe


publicado por mportas

O PS quer aprovar uma lei que interdite o uso de piercings e tatuagens a menores de 18. Cena sexual, ou de violência hardcore, estão a ver? No caso do piercing são especificamente objecto da cobiça estatal as que se apliquem na língua e nas restantes nobres partes da arte da reprodução…Mas será que esta gente não tem nada, mesmo nada mais, com que se entreter?
A ideia, peregrina, suscita um comentário sorridente: estão a ver a ASAE ou o polícia de esquina a pedir “mostre lá a língua” ou, melhor, “vamos ali para o canto e abra a braguilha, se faz favor?”
Agora a sério: o Estado, tão lesto a privatizar, julga-se dono do corpo de cada um. No caso do tabaco invocava os direitos dos não fumadores. Aqui, é simplesmente o disciplinador da incompetência familiar. Esta gente já não tem vergonha na cara.

Sem comentários: