04/07/2008

A PSEUDO ENTREVISTA AO PSEUDO ENGENHEIRO



Esta semana o pseudo engenheiro teve uma opurtunidade de ir á televisão publica dar um entrevista que se esperaria que fosse confrontado com os seus erros e com as questões mais importantes e mais discutidas entre a sociedade.
No entanto e sem surpresa nenhuma para quem topa este "sistema" a entrevista foi toda ela uma falsidade,uma entrevista manipulada,previamente combinada entre a rtp e o primeiro ministro para que o pseudo engenheiro pudesse "vender" e construir uma nova imagem de um homem humilde,solidário,e anti arrogante. Uma entrevista em que as confrontações sobre o Tratado De Lisboa simplesmente não existiram,o Tema do desemprego nem sequer foi falado.
No fundo uma entrevista a pensar nas proximas eleições e que tanto jeito deu a Socrates....ou não....Vamos ver...
Qualquer pessoa tem a noção que as entrevistas já por si sao preparadas pelo entrevistado com muito tempo de antecedência,com ajudas duma equipa de imagem,mais uma equipa de analistas e sociologos que todos juntos planeiam a imagem a dar pelo entrevistado consoante a conjectura presente da sociedade.
Ora juntando a isso,o facto de o entrevistado ser uma pessoa com dom para as cameras,ser falso,com imensa capacidade e facilidade em mentir,não ser uma pessoa que se descontrole facilmente e que não descaia da representação que quer impingir e tambem juntando o facto de os entrevistadores serem manipuláveis pelo entrevistado pois estes são pertencentes a um canal estatal e por isso dependente e controlado pelo governo,isso tudo junto dá o "show off" a que assistimos.
Os favores da nomeação para a direcção de um meio de comunicação, sob o controle do Estado, pagam-se. Como diria alguém, não há almoços grátis.
Que ninguem duvide que a informação é manipulada,pricipalmente a do canal estatal.Esta "empresa" não está no mercado como as outras, não depende da banca, nem dos accionistas, nem da bolsa, pratica concorrência desleal porque a sua existência depende do dinheiro do contribuinte distribuído generosamente pelo Orçamento de Estado, para garantir uma função que tem directa relevância para o poder político e é por ele controlada. A RTP é caríssima, mesmo em tempos de vacas magras como os de hoje, recebe uma fatia de dinheiros públicos pura e simplesmente gigantesca, o que revela bem o carácter estratégico da sua "posse" pelos Governos.
Foram e são varios os exemplos que quem apenas vê não repara,mas quem para além de ver sobretudo observa consegue a conspiração decifrar.
Foram ainda varios casos até alvo de imensa polémica e denuncias,entre os mais mediáticos o afastamento temporário de José Rodrigues dos Santose o afastamento definitivo dos gato fedorento.

A entrevista foi toda ela uma fachada e uma tentativa de vender uma ilusão ao povo.
Destaco a mudança hipocrita da atitude de socrates ao comentar o caso do descontentamento de Alegre e uma facção verdadeiramente socialista a ele ligado.Passou se das difamações a Alegre ao agradeçer as suas intervenções porque eram bem vindas e pedagógicas ao qual o pseudo engenheiro gosta muito de as ouvir com toda a humildade do mundo e até refelectir sobre elas......
Que hipocrosia do c....Aqui no fundo tentou passar a imagem de que não é arrogante e menosprezar o descontentamento dentro do seu proprio partido.
Destaco tambem a tactica do sacudir a agua do capote,ou seja,tudo que aconteçeu e aconteçe de mau,a culpa não é do primeiro ministro,é tudo culpa das crises internacionais,a culpa é de fora,toda ela de fora,coitadinho,ele nada pode fazer senão encolher os ombros.Mas no entanto tudo o que se fez de bom,que não foi quase nada diga se de passagem,referente a isso já é tudo grande mérito do pseudo engenheiro.
Ou seja tentou passar a imagem da vitimização,do pobre coitado que luta pelo povo contra tudo e todos e arranjando assim um bode expiatório para o que tudo de mau estamos a passar.Elogiando se assim a ele proprio e tudo claro está com conveniência dos entrevistadores...
Depois é o seu discurso e o seu dom de falar para as cameras que faz o resto,repete varias vezes palavras como "determinação","modernização, "positivo" dando assim um ar moderno,sofisticado,competente e confiável.Só que a cassete está gasta,já não cola e não se consegue tapar o sol com a peneira.
Não foi Sócrates que foi bom, foram os entrevistadores que foram fracos!
Ainda assim deu para entreter a entrevista e para se observar que socrates já começa a tremer e a cair na realidade que vai perder o pelouro e daí a mudança de imagem.
O mínimo que a Rtp devia fazer agora era dar o direito igualmente a todos os candidatos da oposição ter uma entrevista em iguais condições.
Era bom para a política,para a credebilidade,para a liberdade e igualdade de direitos e sobretudo para icentivar a população a envolver se mais no panorama e do debate politico.
Vamos aguardar assim então para ver até que ponto é grande ou pequena a coleira ao canal estatal pago por nós contribuintes cuja obrigação é nos servir a nós povo e não ao estado.Senão privatize se a Rtp....
http://www.youtube.com/watch?v=UYGpb2Bp_T0&feature=related
http://www.youtube.com/watch?v=OdLvKwNvIo4

Sem comentários: