03/08/2008

QUE GRANDE PAÍS - Idosa recebe 1 euro como complemento de reforma


Uma idosa de 88 anos foi informada pela Segurança Social que vai passar a receber um complemento de reforma no valor de um euro por mês. Para ter direito ao "Complemento Solidário de Reforma", a octagenária teve que percorrer um processo de candidatura que incluiu a entrega das declarações de IRS dos seus seis filhos. Só receberá um cheque quando o valor a pagar pela Segurança Social perfizer a quantia de 5 euros.


Em declarações à imprensa, Joana Dias Sampaio, com 88 anos e residente na freguesia de Delães, afirmou que quando lhe leram a carta a informar que ia receber um euro por mês, apeteceu-lhe "atirar o papel contra a parede".

Joana Sampaio trabalhou toda a sua vida na agricultura e recebe uma pensão de reforma no valor de 299 euros. Informada pelos serviços da segurança social de que tinha direito ao complemento, a octagenária procedeu à respectiva candidatura, com o apoio da família.

Para beneficiar do chamado "Complemento Solidário para Idosos", que se destina a pessoas com mais de 65 anos e baixos recursos, Joana teve que preencher o respectivo formulário e entregar declarações de IRS dos seus seis filhos.

O processo de candidatura ao suplemento de reforma começou em Fevereiro de 2008, mas em finais de Julho a idosa ainda não tinha recebido qualquer cheque. Como lhe explicaram na segurança social, o pagamento só é efectuado quando atinge o valor mínimo de cinco euros, o que demora cinco meses a acontecer.

Joana Sampaio planta uma horta com produtos alimentares para seu próprio consumo junto da casa onde reside e afirmou à imprensa que de outra forma não teria acesso a esses produtos.

Sem comentários: