29/01/2009

José Sócrates está a ser investigado em Inglaterra por corrupção?!

Este post foi copiado (por ser tão bom) do blog do José Maria Martins.
Segundo a notícia do jornal "Correio da Manhã " José Sócrates estará a ser investigado, criminalmente, no Reino Unido por corrupção, no âmbito do processo Freeport.
Veja-se AQUI

Bom, não sei onde está a verdade. Mas já me parece própria de antes do 25 de Abril um tio pedir ao sobrinho ministro que receba investidores.Seria normal no Regedor da Freguesia antes do 25 de Abril.Mais preocupante é que o PM diga que nada tem a ver com licenciamento do Freeport num dia, em Espanha, mas depois o tio e o primo digam o contrário, indo o primo ao ponto de , segundo noticia do jornal "Expresso", ter dito que houve afinal uma reunião entre o representante do investidor britânico e José Sócrates . O que não poderá ser a reunião no Ministério, porque a CM de Alcochete disse que esse representante não esteve na reunião no Ministério! De súbito , depois da investigação do jornal "O Sol", José Sócrates já se lembra que esteve numa reunião no Ministério do Ambiente.Depois o secretário de Estado não tem poderes próprios, mas apenas delegados, podendo a todo o tempo o Ministro, como delegante, decidir as questões delegadas, como se sabe que é princípio fundamental do Direito público político e administrativo, precisamente os ramos do Direito que regem a Administração Pública e logo o Governo, qualquer Governo. Ainda mais preocupante é que o primo de José Sócrates diga que pediu à Freeport a recompensa pela "cunha" metida ao primo Ministro, a José Sócrates.
As coisas nos Ministérios Portugueses passam-se desta forma? Os familiares intercedem juntos dos ministros para receber privados a fim de tratarem de assuntos de Estado? Bom, as coisas começam a clarificar-se, sendo os desmentidos isso mesmo e só isso: desmentidos.Mas doi saber que na Justiça do Reino Unido pode estar sob suspeita o PM de Portugal por ... corrupção!Todavia José Sócrates não falou sobre esse facto, na conferência de imprensa que hoje deu. Sócrates passou por essa questão como a raposa da fábula de Lafontaine passou pela vinha vindimada.O Presidente da República deve dissolver a Assembleia da República e convocar eleições, por uma questão de higiene política portuguesa.A questão é agora sobretudo política. Não é só jurídica. É de Dignidade do Estado Português.José Sócrates não diga que o caso voltou à ribalta por motivos de calendário eleitoral. É uma desculpa esfarrapada , tendente a ser "vendida" aos correligionários do PS.Isto porque as informações apontam no srntido de que a investigação foi relançada pelos ingleses,que não concorrem em Portugal e o Gordon Brown, PM Britânico, até é da mesma família política do PS português.
Os ingleses não vão concorrer com o PS nas eleições em Portugal

E não me venham com histórias de que o PSD e o CDS estão por detrás destas notícias.Já sou crescido e exijo que respeitem a minha inteligência!!!Por tudo isto, mais uma vez, quero sensibilizar os portugueses para que tenham coragem e intervenham no Processo Freeeport como assistentes, como já apelei.Este é um assunto grave demais para ficar sem participação popular.Contém comigo para a intervenção civica, em defesa da democracia, da liberdade, da moralização da política, para lutar contra todo e qualquer corrupto.Por Portugal!COMENTÁRIO: Suspeito??? NÃO!!! A culpa é..............da crise Mundial!!! Ou do Apito Dourado...Mais disto:


Sem comentários: